Eu, Alex Cross por James Patterson

Sinopse
"Numa noite de festa, Alex Cross recebe uma notícia chocante O detetive está comemorando seu aniversário quando atende a um telefonema informando que sua sobrinha, Caroline Cross, foi brutalmente assassinada. Ele jura que vai capturar o criminoso e logo descobre que Caroline estava envolvida com prostituição e não foi a única vítima. Garotas de um clube privativo desaparecem misteriosamente Atrás de pistas do assassino, Alex e a namorada, a detetive Brianna Stone, vão a um lugar onde é possível realizar qualquer fantasia, desde que se conheçam as pessoas certas para entrar. É lá que um homem misterioso e de gosto excêntrico, autodenominado Zeus, sacia seus desejos. Um mistério que pode abalar o mundo Alex e Bree percebem que terão que enfrentar figuras muito importantes, perigosas e bem protegidas, das mais altas esferas da sociedade. E uma coisa é certa: elas farão de tudo para manter seus segredos."

Autor: James Patterson
Editora: Arqueiro
Ano: 2011
Páginas: 198
Gênero: Suspense Policial
      

Eu, Alex Cross foi a minha primeira experiência com o James Patterson, eu nunca tinha lido nada do autor e por ele ser de um dos maiores autores do meu gênero preferido resolvi que eu tinha que ler algo dele. A leitura foi muito prazerosa, James tem uma escrita muito envolvente. O que parece ser um caso comum de assassinato acaba se mostrando algo tão grande que pode chocar o mundo todo.


Alex Cross é um famoso detetive especializado em homicídios e assassinos em série, no dia do seu aniversário ele é comunicado que sua sobrinha Caroline Cross foi assassinada de forma brutal e Alex como ótimo detetive que é não descansa enquanto não descobre o monstro de matou sua linda sobrinha.
Em meio a uma crise familiar e um mistério atrás do outro envolvendo prostituição e gente muito poderosa Alex junta as peças desse quebra cabeça perigoso com a ajuda de  amigos que ele fez durante a carreira na policia.

Confesso que comecei a leitura sem muitas expectativas, eu sei que o James é um aclamado autor do gênero policial mas eu vi alguns posts que diziam que a escrita dele em alguns livros é terceirizada, ou seja, ele escreve a sinopse e uma ideia de como quer o livro e passa o projeto adiante para um grupo de editores que irão finalizar o livro.
Achei isso péssimo, já que eu leio achando que estou lendo a escrita dele mas ao mesmo tempo ele não escreveu, enfim.

Acabei me surpreendendo, a leitura é fluida, rápida e simples, o livro é fininho (198 pags), capítulos muito rápidos, folhas amarelas e fonte confortável. A editora Arqueiro caprichou bastante no livro, a diagramação, o projeto gráfico e principalmente a capa estão lindos.


A narrativa é em primeira pessoa, portanto a história é contada através dos olhos do Alex, o livro tem alguns capítulos dos personagens secundários que são narrados em terceira pessoa, todos os capítulos são muito curtos, uma media de um capitulo por pagina, eu achei isso um pouco ruim porque em alguns momentos, quando a cena estava desenrolando e o capitulo tava ficando bom, PUFT, o capitulo terminava. Claro que capítulos rápidos tem seu lado positivo, já que com eles a leitura tem ritmo muito acelerado. Eu gostei, pra mim funcionou.


Os personagens são muito legais, eu adorei os secundários principalmente. Alex é bem relacionado, ele tem uma namora que já é mãe dos seus filhos, uma Vó e os seus amigos. Os filhos não aparecem muito e algumas vezes me senti confuso em relação a isso, mas, ja a Vó é bem presente, ela por estar doente e debilitada toma um bom tempo do Alex. A sua namorada é muito tranquila, ela ajuda ele nos casos do trabalho e é bem compreensiva em questão de ele nao estar sempre em casa por estar trabalhando. Aqui tambem temos uma presidente dos EUA feminina, eu achei isso super legal :)


O enredo é bem construído em alguns pontos mas tambem é bem confuso em outros, eu fiquei varias vezes confuso com a troca de assunto e a rapidez com que a cena mudava, mas também só não gostei disso, o assunto é claro e direto, o autor não fica de enrolação e vai direto ao ponto, eu simplesmente amo ler esse tipo de obra.


Conclusão: eu gostei bastante, como disse, achei que o autor seria bem ZzZzZzZzZz mas não foi exatamente assim, a história é muito boa e não tem lenga lenga, é um texto rápido direto e bem determinado.

Se você ja leu algum outro autor desse estilo ou já leu algo do James, não tenha medo de emergir no livro, ele pode parecer meio chatinho, entretanto é uma leitura de fim de tarde ou daquele feriado que vale muito a pena conferir.

Comentários

  1. Oi Guilherme!

    Também adoro o gênero, mas ainda não li nada do autor e já ouvi ótimas coisas sobre alguns dos seus livros. Ainda quero ler algum livro dele para comprovar e justamente os que mais me chamam a atenção são os Alex Cross, pois adoro séries com detetives. Gostei muito da resenha e do seu blog.

    Abraço

    http://poesiasprosasealgomais.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Fran!

      Eu sou um grande fã do gênero, quando puder de uma conferida vale a pena, a serie do Alex parece ser boa, esse é o primeiro que eu li da serie e pretendo continuar, gosto muito do seu blog, que bom que veio visitar.

      Abraço

      Excluir

Postar um comentário

DEIXE A SUA OPINIÃO!

Postagens mais visitadas deste blog

O Adulto por Gillian Flynn

Sumiço, Mudanças + O Que ando lendo

Os Lançamentos de Julho | 2016